feed-image RSS Feed
goo vimeo rss facebook

Autarquia pede máximo cuidado na realização de queimas

douroO Município de Lamego informa que a partir de hoje, 16 de novembro, passa a ser novamente autorizada a realização de queimas, devido ao fim do período fixado na lei que até hoje interditava esta atividade. No mundo rural, a realização de queimas serve para eliminar os sobrantes de exploração, cortados e amontoados e não necessita de licenciamento municipal. No entanto, apenas podem ser feitas desde que o índice de risco de incêndio seja inferior ao nível muito elevado e máximo.
Por outro lado, a realização de queimadas que normalmente viabiliza a limpeza de terrenos e a renovação de pastagens só é permitida após licenciamento na Câmara Municipal. 
Devido ao período de seca prolongada que ainda se faz sentir no nosso país, o Município de Lamego e os Bombeiros Voluntários de Lamego apelam a todos os munícipes que usem da máxima precaução na realização destas atividades e que evitem comportamentos de risco.

Câmara de Lamego mais amiga dos contribuintes

cml fotoA Câmara Municipal de Lamego vai reduzir a taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), relativo aos prédios urbanos, fixando-a em 0,38%, e diminuir a participação variável no IRS dos munícipes para 4%. Na prática, com a concretização destas medidas a autarquia vai prescindir de arrecadar, todos os anos, mais de 320 mil euros de receita com o objetivo de devolver rendimentos aos munícipes, através do alívio da sua carga fiscal. "Estou a ser coerente com tudo aquilo que sempre defendi ao longo dos últimos anos nas minhas intervenções públicas e a cumprir um dos nossos compromissos eleitorais: apoiar mais as famílias que vivem e trabalham no concelho de Lamego", sublinha o Presidente da Câmara Municipal de Lamego, Ângelo Moura. Quanto ao IMI a cobrar em 2018, também vão continuar a ser garantidas reduções fixas para os agregados familiares com um ou mais dependentes a cargo e fixada uma taxa de majoração de 30% para os prédios urbanos degradados. Estas propostas vão agora ser votadas na próxima sessão da Assembleia Municipal.

Água de Lamego ganha "Selo de Qualidade"

Criado para distinguir as entidades prestadoras de serviços de abastecimento público de água que, no último ano de avaliação regulatória, tenham assegurado uma qualidade exemplar da água para consumo, a Câmara Municipal de Lamego acaba de conquistar um "Selo de Qualidade", atribuído pela Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR). O júri procedeu à análise qualitativa do serviço prestado, analisando aspetos relacionados com a governança, o cumprimento das obrigações legais, a conduta perante o regulador e ocorrências significativas com impacte no serviço prestado. A iniciativa da ERSAR é realizada em parceria com o Jornal "Água&Ambiente".

Câmara de Lamego inicia demolição do "Café 4 Estações"

A Câmara Municipal de Lamego começou esta manhã, quinta-feira, a proceder aos trabalhos de demolição do edifício que durante largos anos acolheu o "Café 4 Estações", na Av. Dr. Alfredo de Sousa. Esta infraestrutura apresentava evidentes sinais de degradação e a sua exploração comercial já não se encontrava concessionada. Após a conclusão da demolição da cafetaria e da esplanada, a autarquia vai repor o pavimento de cubos de granito, numa área de cerca de 250 metros quadrados, idêntico à zona envolvente.
Recorde-se que nas décadas de 70 a 90, o "Café 4 Estações" foi um importante local de convívio e lazer para várias gerações de Lamecenses, numa época em que ainda escasseavam outros locais com este serviço na principal "sala de visitas" da cidade de Lamego.
Em breve, a Câmara Municipal também pretende avançar com um projeto de ordenamento estético do espaço público da Av. Dr. Alfredo de Sousa, nomeadamente disciplinando a ocupação por esplanadas, de modo a constituir um conjunto com dimensão, unidade e coerência urbana significativo. Esta intervenção visa valorizar a sua singularidade urbanística e aumentar a atratividade para quem a usa.

Selo comemorativo assinala aniversário da Latino Coelho

Numa cerimónia plena de simbolismo, a Escola Secundária de Latino Coelho celebrou o seu 137º aniversário, enquanto instituição de educação e formação, com a apresentação pública de um selo postal comemorativo desta efeméride, desenhado pelo aluno Micael Ribeiro e apadrinhado pelos CTT. Presente na cerimónia, a Vereadora da Educação da Câmara Municipal de Lamego, Ana Catarina Rocha, destacou que "o executivo camarário, recentemente empossado, reconhece o trabalho meritório desenvolvido por toda a comunidade educativa e naquilo que é o âmbito das suas competências em matérias de educação associar-se-á à defesa e promoção da Educação e Formação". Muito participada por alunos, docentes e funcionários desta secular instituição, a sessão também serviu para assinalar o 80º aniversário da inauguração das atuais instalações da Escola Secundária de Latino Coelho, na altura designada "Liceu Nacional". Entre diversos representantes de entidades públicas, privadas, civis e militares, destacou-se ainda a presença do Presidente da Assembleia Municipal de Lamego, José Rodrigues Lourenço. 

Presidente da Câmara cria Comissão de Inspeção Técnica de Equipamentos Municipais

A Câmara Municipal de Lamego acaba de criar a Comissão de Inspeção Técnica de Equipamentos Municipais (CITEM) que terá a missão de pronunciar-se sobre a conformidade legal dos edifícios para a sua utilização e com o projeto, incluindo a confirmação da execução de todos os trabalhos previstos. Constituída por técnicos superiores da autarquia, transversal às suas unidades orgânicas, esta comissão verificará também aquilo que foi pago e o que foi executado e a qualidade e cumprimento das boas regras de construção. Determinará também a existência de cauções e outros meios de garantia da boa execução dos trabalhos, bem como a segurança das instalações, na ótica da sua utilização. O Presidente do Município de Lamego, Ângelo Moura, explica que a CITEM nasce "face às diversas notícias e factos que têm vindo a público e a constatação de diversas situações anómalas no funcionamento, operacionalidade e segurança de diversos equipamentos municipais".
Sem prejuízo da sua ação poder ser despoletada e estender-se à generalidade das infraestruturas municipais, a CITEM intervirá, de imediato, nos seguintes locais: o Centro Multiusos de Lamego e edifícios anexos, o Complexo Municipal de Piscinas e os centros escolares.

"Lamego Esperança" recolhe toneladas de bens para vítimas de incêndios

Os Lamecenses deram uma resposta muito positiva à onda de solidariedade a favor das vítimas dos incêndios que assolaram recentemente o distrito de Viseu. Através de uma estreita cooperação, a Câmara Municipal de Lamego e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários promoveram a missão "Lamego Esperança" que superou as expetativas iniciais, angariando várias toneladas de bens, sobretudo roupa de cama, vestuário e alimentos. O material doado foi agora entregue a famílias dos concelhos de Vouzela, Santa Comba Dão, Carregal do Sal e Mortágua que perderam tudo na sequência daquela tragédia. 
Para garantir o pleno êxito desta missão solidária, os "soldados da paz" fizeram a separação de todos os bens no Quartel dos Bombeiros, sendo depois distribuídos pelo Serviço Municipal de Proteção Civil.

Parque Biológico celebra "Noite das Bruxas" em respeito pela natureza

Bruxas, vampiros e outras criaturas horripilantes não faltaram à chamada para passar o dia mais medonho do ano no Parque Biológico da Serra das Meadas, em Lamego. A "Noite das Bruxas" foi a festa mais assustadoramente fixe vivida por 56 crianças que este ano apareceram com os melhores disfarces para participarem num desafio do outro mundo. Para além de terem saboreado apetitosas iguarias, alusivas a diversos ícones de terror, entre a escuridão, passaram pelo "Percurso do Morcego", pela "Tenda Endiabrada" e pela "Casa da Bruxa". Em cada esquina, a pergunta repetiu-se: “Doce ou travessura?”.
A realização destas atividades teve sempre a preocupação de ensinar os mais pequenos a respeitar e valorizar a natureza, bem como divulgar este belo património natural de Lamego.
Desde junho de 2002, que o Parque Biológico da Serra das Meadas é um dos mais importantes santuários de espécies de animais e vegetais da região Norte do país. Por aqui, já passaram milhares de pessoas, sobretudo crianças, sensibilizadas para as problemáticas ambientais e ansiosas por contactar de perto com uma vasta variedade de animais.

Ângelo Moura visita "obra para o futuro" na Secundária de Latino Coelho

"Esta é uma obra para o futuro e representa uma aposta muito forte na qualificação dos Lamecenses, com o objetivo de proporcionar condições ao nível do melhor que existe no nosso país". No final da visita de trabalho que efetuou à Escola Secundária de Latino Coelho, o Presidente da Câmara Municipal de Lamego resumiu assim a importância dos trabalhos de requalificação que vão começar na próxima semana neste estabelecimento de ensino, onde estudam neste momento mais de 900 alunos. Acompanhado pela direção do Agrupamento de Escolas, dirigentes da associação de pais e representantes da empresa responsável pela execução da empreitada, Ângelo Moura garantiu que "estão a ser acautelados todos os pormenores para que a obra não provoque qualquer constrangimento e não perturbe o funcionamento normal das aulas", acrescentando, no entanto, que para tal será necessária a "colaboração de toda a comunidade educativa".
A anteceder o arranque dos trabalhos, já é visível no terreno a montagem do estaleiro de obra. Com o objetivo de responder às novas exigências educativas e melhorar a vivência diária dos alunos e do corpo docente, a modernização da Escola Secundária de Latino Coelho é um dos investimentos mais elevados a realizar no conjunto dos estabelecimentos de ensino do Norte do país que o Ministério da Educação vai intervir. A obra conta com um financiamento comunitário de 85 por cento, aprovado no âmbito do NORTE 2020. A Câmara Municipal de Lamego também dá uma importante ajuda para a realização deste projeto, para solucionar, em definitivo, os problemas básicos que esta infraestrutura apresenta e que resultam do facto de não terem ocorrido, ao longo dos últimos anos, intervenções relevantes que visassem a sua modernização. Nos próximos 12 meses, a execução dos trabalhos, adjudicados à firma "Floponor", por 3.748.356,08€ (acrescido de IVA), decorrerá ao longo de diferentes fases para minimizar eventuais constrangimentos.
Recorde-se que a inauguração do edifício que atualmente acolhe a histórica Escola Secundária de Latino Coelho vai completar o seu 80º aniversário no próximo dia 8 de novembro. 

Contactos

Câmara Municipal de Lamego
  • Av. Padre Alfredo Pinto Teixeira, 5100 - 150 Lamego
  • Telef.: 254 609 600 Fax.: 254 609 601

Horário do Município

Horário de Atendimento ao Público
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 17H00
Hórário de Atendimento Tesouraria
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 15H30
             HORÁRIOS CONTINUOS
 

Newsletter