goo vimeo rss facebook

Notícias

Jornadas em Lamego debateram o futuro das bibliotecas

Mais de uma centena e meia de especialistas e académicos da área das bibliotecas, sobretudo professores bibliotecários, estiveram reunidos nas II Jornadas da Rede de Bibliotecas de Lamego (RBL) que decorreram no Teatro Ribeiro Conceição com o objetivo de refletirem e partilharem ideias sobre os desafios que se colocam hoje em dia a estas instituições “face às diversas literacias”. O encontro também serviu para divulgar o trabalho colaborativo promovido pelas 14 bibliotecas existentes no concelho e que compõem a RBL. Formalizada em 2012, esta rede é constituída por diferentes realidades, mas que "confluem para o enriquecimento documental e para a criação de um projeto comum".
"A Biblioteca na Era Digit@l" foi o mote para a reflexão e discussão destas segundas jornadas que juntou muito público, para além de professores bibliotecários, docentes e bibliotecários municipais. Entre os oradores convidados, estiveram presentes em Lamego Francisco José Viegas, escritor e antigo secretário de Estado da Cultura, e Teresa Calçada, antiga comissária adjunta do Plano Nacional de Leitura.

Incubadora de empresas nasce em Lamego

incuA cidade de Lamego vai ter a primeira incubadora de empresas, instalada numa ala do edifício da Central de Camionagem. A Câmara de Lamego cedeu este espaço à Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Lamego (ESTGL) para ali serem criadas e desenvolvidas pequenas e micro empresas, apoiadas nas primeiras etapas das suas vidas. Esta nova unidade é especialmente direcionada para alunos e antigos alunos desta escola.
O contrato de comodato entre o Município de Lamego e a ESTGL - unidade orgânica do Instituto Politécnico de Viseu - foi assinado durante a tarde de 14 de fevereiro e terá a duração de cinco anos. A assistir a este ato, esteve a secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Fernanda Rollo. Francisco Lopes, Presidente da autarquia, considera que este estabelecimento de ensino tem feito um "trabalho notável": "Lamego não seria a mesma cidade sem o ensino superior", acrescentando que esta instituição possui as competências adequadas ao fomento do empreendedorismo e à empregabilidade que serão úteis na nova incubadora. "Os institutos politécnicos ajudam a construir a identidade dos territórios. A rede de politécnicos valoriza o Interior", defendeu também a governante.

Câmara de Lamego vai investir 11 milhões em projetos estratégicos

A Câmara Municipal de Lamego vai executar uma carteira de 16 projetos estratégicos na cidade, no valor de 11 milhões de euros, no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU). "Trata-se do maior investimento que esta autarquia fará nos próximos anos", explicou Francisco Lopes, durante a sessão pública de apresentação de todos os pormenores do PEDU e do Plano Estratégico de Reabilitação Urbana (PERU). Este pacote de projetos de iniciativa municipal obedeceu a "condicionantes impostas" e enquadra-se em três eixos prioritários - regeneração urbana, mobilidade e apoio a comunidades desfavorecidas -, sendo financiado em 85% por fundos comunitários do Programa Operacional NORTE 2020. 
"Durante quase 40 anos não tivemos plano de urbanização na cidade de Lamego. O desafio é, ora avante, que se façam coisas melhores e com objetivo estratégico, olhando para a cidade e para o casco mais antigo, que foi abandonado em detrimento das periferias", fundamentou o autarca.

Lazarim volta a dar vida a um dos entrudos mais genuínos do país

Um dos entrudos mais genuínos e tradicionais do país volta a sair à rua de 25 a 28 de fevereiro na pequena vila de Lazarim, em Lamego. Conhecido pelos seus populares caretos, esculpidos em madeira de amieiro, o Entrudo de Lazarim é uma representação única de encenações antigas da cultura portuguesa. Mais uma vez, são esperados milhares de visitantes, para verem a desfilar as máscaras diabólicas e carrancudas, fruto de um trabalho muito minucioso e paciente de artesãos locais que lutam para preservar a memória histórica das suas gentes.
O ponto alto do Entrudo de Lazarim é, sem dúvida, a leitura dos testamentos da comadre e do compadre na terça-feira de Carnaval. Neste dia, tapam-se os ouvidos aos mais sensíveis, pois é o momento das verdades guardadas durante todo o ano se fazerem escutar, uma missão a cargo de dois jovens, vestidos de negro, que, desenrolando lengalengas, criticam os rapazes e as raparigas da terra. Mas, regra de ouro, só os solteiros podem criticar e ser alvo de chacota. Após os testamentos serem pronunciados, há espaço para a realização de um cortejo até ao local onde o casal, representado por bonecos, é queimado simbolicamente. No final, para encerrar as comemorações do Entrudo é oferecido caldo de farinha e a feijoada, ao som de uma intensa animação musical. 
Este ano, haverá ainda espaços gastronómicos, venda de produtos regionais e artesanato, para além de muita música e exposições. Quem visitar a vila de Lazarim também poderá ver caretos à solta de grupos convidados, participar num raid fotográfico na Alcaria de Mazes e num concurso de máscaras. O Centro Interpretativo da Máscara Ibérica (CIMI) vai impulsionar esta dinâmica cultural com a abertura ao público de duas novas exposições de trajes, máscaras e fotografias ligadas a esta temática.
Organizado, em parceria, pela Junta de Freguesia de Lazarim e pela Câmara Municipal de Lamego, o Entrudo de Lazarim mantém-se o símbolo do sentir e da arte popular desta povoação.
Mais informações em entrudo.lazarim.pt

Prémio Dr. Fernando Amaral distingue melhores trabalhos originais

Os alunos do ensino secundário, matriculados no 10º, 11º ou 12º anos em qualquer escola do concelho de Lamego, já podem submeter os seus trabalhos à apreciação do júri do Prémio Escolar Dr. Fernando Amaral, que este ano devem ser subordinados ao tema “Do pós guerra à globalização: do Dr. Fernando Amaral aos jovens de hoje... desafios profissionais”. Nesta quinta edição, o valor pecuniário a atribuir ao vencedor do galardão pelo Município de Lamego é de 2500€.
Instituído em honra deste emérito cidadão lamecense e um dos mais notáveis políticos da democracia portuguesa, o Prémio Escolar Dr. Fernando Amaral destina-se a distinguir os textos originais de maior mérito sobre os Valores da Democracia Local, o Estado de Direito e Cidadania e os Direitos Humanos. Esta distinção pode ser atribuída ex aequo, mediante reconhecimento do mérito, a mais do que um trabalho. 
Os alunos devem formalizar as suas candidaturas, até 24 de abril, em formulário disponibilizado para o efeito pelas escolas e pelos Serviços de Apoio à Assembleia Municipal. Nestes locais, também podem consultar o respetivo regulamento e as normas complementares que regem a apresentação dos trabalhos.
De periodicidade bienal, a criação deste galardão constitui um tributo permanente dos lamecenses ao exemplo de cidadania e de dedicação à res publica demonstrado em vida por Fernando Amaral que é, para todos, uma referência. A perpetuação da memória e a divulgação do exemplo de dedicação à causa pública que, de forma generosa, sempre guiou a conduta de Fernando Amaral são valores que a Assembleia Municipal de Lamego quer transmitir às gerações futuras.

>| REGULAMENTO  >| NORMAS de APRESENTAÇÃO >| FORMULÁRIO de INSCRIÇÃO

Lamego recebe Curso de Nadador Salvador

De 27 de fevereiro a 7 de abril, o Complexo Municipal de Piscinas de Lamego acolhe um Curso de Nadador Salvador, em horário pós-laboral, tendo como destinatários todos os interessados com mais de 18 anos e escolaridade obrigatória. Pretende-se dotar os formandos, ao longo de 150 horas, de competências nas áreas de vigilância, socorro, salvamento e assistência aos banhistas.
Os lamecenses que desejam ingressar neste curso devem apresentar, entre outros documentos, um atestado médico comprovando a sua robustez física. O valor da inscrição é de 160€.
Esta formação é ministrada pela Associação de Nadadores “Os Delfins”, uma entidade formadora certificada pela DGERT. As aulas que integram o Curso Nadador Salvador em Lamego são ministradas por técnicos profissionais do Instituto de Socorros a Náufragos. As inscrições devem ser feitas até 24 de fevereiro. 
Mais informações no Complexo Municipal de Piscinas de Lamego.

Contactos

Câmara Municipal de Lamego
  • Av. Padre Alfredo Pinto Teixeira, 5100 - 150 Lamego
  • Telef.: 254 609 600 Fax.: 254 609 601

Horário do Município

Horário de Atendimento ao Público
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 17H00
Hórário de Atendimento Tesouraria
        SEGUNDA A SEXTA
          08H30 ÀS 15H30
             HORÁRIOS CONTINUOS
 

Newsletter